30 de maio de 2006

D. Milu Geleia no Pequeno Herói



Nasci no País-dos-Doces-de-Cima, que fica na Terra-dos-Sonhos, que tanto pode ser longe como perto – eu já explico. Não me perguntem qual é a estrada para lá, porque a única maneira que conheço de lá chegar é fechando os olhos e imaginando caminhos com chão de flores pelo meio de terras e terras cheias de árvores de fruto e um perfume a rosas no ar. É fácil chegar lá se tivermos força para sonhar e imaginar, mas longe quando somos preguiçosos e só pensamos em nós e esquecemos os outros meninos.
Quando era pequenina aprendi a fazer geleias com a minha avó, que já era conhecida por fazer as melhores de todo o País-dos-Doces-de-Cima – não é brincadeira nenhuma, porque no meu país o que não falta é doceiras! As da minha avó deliciavam a criançada toda da região, de tal maneira que todos os dias havia filas do comprimento-de-combóios para as comprar. Como a nossa terra era rica em árvores de fruto podíamos fazer geleias de tantas qualidades que os dedos das mãos e dos pés não chegam para contar. A minha preferida era a Geleia-Mais-Que-Maravilhosa-de-Maçã-e-Hortelã, que, entre muitas outras, também aprendi a fazer! Eram uma delícia aqueles lanches ao fim da tarde, depois de regressarmos da Escola, quando a minha avó nos fazia um chá de cidreira para acompanhar o pãozinho. Era de lamber os lábios por mais! Que saudade!
Agora, como também sou conhecida por fazer geleias muito gostosas, passe o elogio, chamam-me D. Geleia. Na verdade, talvez vos custe a acreditar, mas já nem sei o meu nome verdadeiro. Que geleias é que já provaram? Aos meninos que se portam bem e fazem os deveres da Escola costumo preparar uns lanches muito saborosos com chá e pãozinho barrado com geleia ao gosto de cada um: morango-vermelhinho-mais-que-delicioso, pera-sardenta-docinha, ameixa-de-lamber-os-dedos e muitas mais.
Depois do lanche, e das outras refeições, nunca se esqueçam de lavar os dentinhos!

3 comentários:

Pampas disse...

Bem vindo ao fantástico mundo da cor do mar, um mundo onde tudo tem mais fantasia!!!!

Eu cá acho que o Sr Compota ainda se vai entender com a Dona geleia...

Mas o Público pede uma linha de produto espirituais, com alfinetes e instruçoes de vudu.

Continuaçao de muita criatividade

Anónimo disse...

Olá, eu sou o filipe (cal) e gostaria de dizer-te que gostámos muito das bonecas que fazes (eu e as minhas pequenas). Ficámos com vontade de "adoptar" algumas delas. Não sei se é possível. Venho aqui ver a resposta. Obrigado

cordemar disse...

Olá! Filipe Cal dos Danças?

Para "adoptar" as minhas bonecas, basta ir a:
http://cordemarbonecos.blogspot.com
onde se encontram as bonecas disponiveis, escolher e enviar-me um mail para cordemar@sapo.pt

marisa*